Onde o concessionário ganha dinheiro?

Concessionária honda curitiba Barigui Seminovos
Nem é preciso dizer que as concessionárias de automóveis não podem existir a menos que
sejam lucrativas. Isso é verdade para todos os negócios, de uma lavanderia a seco de bairro a
um mega varejista como o Walmart. Nas concessionárias de automóveis, as fileiras de carros
novos e reluzentes podem levar os clientes a acreditar que é aí que o negócio ganha a maior
parte do dinheiro.
Mas não é esse o caso. De acordo com os dados mais recentes da National Automobile Dealers
Association (NADA), o departamento de veículos novos de uma concessionária é responsável
por cerca de 58% das vendas totais da concessionária, mas menos de 26% do lucro bruto total
da concessionária. Além das vendas de carros, esse número também reflete os lucros de
produtos de finanças e seguros (F&I) vendidos em carros novos. Isso significa coisas como
seguro de gap, sistemas de alarme e garantias estendidas.
O departamento de veículos usados representa apenas cerca de 31% das vendas totais de uma
concessionária, mas o lucro é próximo ao do departamento de carros novos: quase 25%. do
lucro bruto de uma concessionária, de acordo com a NADA. Além das vendas de carros, o
número também reflete os lucros dos produtos de F&I vendidos em carros usados.
Então, de onde vem a maior parte do lucro de uma concessionária? Não é da venda de carros,
pelo menos não diretamente. É do departamento de serviços e peças, que responde pelos
outros 49,6% do lucro bruto da concessionária, segundo a NADA.